O sentido da vida...

Posted: quinta-feira, 2 de abril de 2009 by Jean in Marcadores:
3




Sempre busquei um sentido para tanta busca e tantas pedras no caminho.
Esperava encontrar respostas que me contassem o verdadeiro sentido da vida.
Porém quando obtive todas as respostas, e pensei que sabia de tudo, novas perguntas me foram feitas, e novamente caí em contradição.


Vaguei pelo mundo e me estendi ao universo em busca de algo maior.

Pensei ter encontrado as minhas respostas ao te encontrar. Pensei que de você viria à paz para o meu coração, mas me enganei.
Com seu olhar veio o fogo que consumiu minha alma, e já não tenho mais paz. E mesmo ao seu lado, eu me sinto só.



Vaguei novamente em busca da paz. Avistei guerras pelo mundo e vi homens que matavam por prazer. Uma maldade tão fria que me congelou os ossos. E um sentimento de impotência tomou conta de mim.



Tentando me livrar deste sentimento de fraqueza, vaguei a procurar a força.
Encontrei a força na chuva, no vento e no fogo. Porém percebi que a força sem razão e intelecto é somente força. Ela pode mover pequenos objetos, mas não consegue mover planetas e corações.



Quando só a força física não me foi suficiente, eu procurei a razão. E quando a encontrei, perdi meu coração. E sem o sangue correndo em minhas veias e me aquecendo, eu senti medo.



E eu tive medo de estar velho e o medo me consumiu os meus dias de juventude. Eu tive medo de ser muito fraco e o medo sugou toda a minha força. Temi o fracasso e pelo medo eu fracassei.



Pela ultima vez busquei a coragem. E quando eu a encontrei, não a reconheci.
A coragem que me faltava para vencer o medo e a solidão. A coragem que me seria necessária para vencer os fracos e os fortes. A coragem que me faria lutar pelos meus ideais e assumir minha ignorância.


Esta coragem tão necessária que encontrei não em heróis ou em grandes tanques de guerras.



Encontre-a dentro de meu coração, escondida entre a minha força, minha razão, minha paixão e a minha verdade.


E a coragem não me fez descobrir o sentido da vida, mas descobri que com coragem eu posso criar um sentido para a minha vida...


...

3 comentário(s):

  1. Sublime!! Embasbacada!!

    Bjos ú&e

  1. Thaís. says:

    aaaai qe lindo!
    Coragem, coragem e coragem!
    Senti meu coração pulsando isso agora...


    Jean, mamis minha esta melhorzinha, saiu do coma, mais ainda corre risco, anda reagindo, devagar, claro! Mas só de estar, me alivia...
    Oobrigada por perguntar! E pelo carinho!*.*

    Coomo está o trabalho? Os ensaios?

    um beeeijo!:*

  1. Obrigada por perguntar Jean, eu tô bem melhor. ;)
    E contigo?

    Texto lindo, quem não busca a coragem...^^
    =*

Liberdade de Expressão

É importante esclarecer que este BLOG, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX). Além disso, cabe salientar que a proteção legal de nosso trabalho também se constata na análise mais acurada do inciso VI, do mesmo artigo em comento, quando sentencia que "é inviolável a liberdade de consciência e de crença". Tendo sido explicitada, faz-se necessário, ainda, esclarecer que as menções, aferições, ou até mesmo as aparentes críticas que, porventura, se façam a respeito de doutrinas das mais diversas crenças, situam-se e estão adstritas tão somente ao campo da "argumentação", ou seja, são abordagens que se limitam puramente às questões teológicas e doutrinárias. Assim sendo, não há que se falar em difamação, crime contra a honra de quem quer que seja, ressaltando-se, inclusive, que tais discussões não estão voltadas para a pessoa, mas para idéias e doutrinas.

Importante!!!

Todos os links e arquivos que se encontram no site, estão hospedados na própria Internet, somente indicamos onde se encontra. Qualquer arquivo protegido por algum tipo de lei deve permanecer, no máximo, 24 horas em seu computador. - Eles podem ser baixados apenas para teste, devendo o usuário apaga-lo ou compra-lo após 24 horas. - A Aquisição desses arquivos pela internet é de única e exclusiva responsabilidade do usuário. - Os donos, webmasters e qualquer outra pessoa que tenha relacionamento com a produção do site, não tem responsabilidade alguma sobre os arquivos que o usuário venha a baixar e para que irá utilizá-los. - O usuário que utilizar o site, tem total conhecimento, e aceita os termos referidos acima.